«

»

Imprimir Post

A GREVE CONTINUA: FIRMES COM O SINDICATO TRABALHADORES NA REDE TV SEGUEM NA LUTA EM DEFESA DOS DIREITOS E POR AUMENTO SALARIAL.

Em assembleia, realizada na tarde do dia 03 de setembro, os trabalhadores na Rede TV decidiram continuar em greve até que se garanta o devido reajuste salarial e o respeito a todos os direitos da Convenção Coletiva de Trabalho.

No dia 03 de setembro também aconteceu audiência no Tribunal Regional do Trabalho e a proposta apresentada pelo Judiciário foi de 17% de reajuste salarial parcelado em três vezes: outubro de 2021, janeiro e abril de 2022 e a manutenção de todos as cláusulas sociais da Convenção Coletiva de Trabalho.

Na assembleia os trabalhadores votaram pela aceitação dessa proposta desde que se garanta cláusula de estabilidade no emprego até abril de 2022 e a greve continua, pois é na força da luta que se avança nas reivindicações.

A Rede TV tem até o dia 08/09 para dizer se aceita a proposta, mas a nossa luta continua, pois para além do que foi apresentado em audiência no TRT é na força da greve que vamos garantir nossas reivindicações.

Sindicato dos Radialistas faz denúncia contra programa da Rede TV que tentou intimidar os trabalhadores: na noite do dia 02/09, no programa Alerta Nacional, o apresentador Sikêra Junior debochou da greve dos trabalhadores na Rede TV e foi além; se utilizando dos assistentes de palco fez menção a “CPF cancelado”, gíria usada pelas milícias que se refere à eliminação de pessoas. A fala do apresentador, que sempre fez declarações de apoio ao governo genocida de Bolsonaro, não foi desautorizada pela direção da emissora, ou seja, é a Rede TV se utilizando de seu boçal apresentador para tentar intimidar os trabalhadores.

Não nos calarão a luta continua: além das denúncias que o Sindicato dos Radialistas de São Paulo já está encaminhado ao Ministério Público do Trabalho e das demais ações judiciais, a greve continua, pois contra a intimidação, os trabalhadores juntos com o Sindicato dos Radialistas e a Intersindical seguem firmes na mobilização.

Compartilhe!

Link permanente para este artigo: https://www.intersindical.org.br/2021/09/04/a-greve-continua/