«

»

Imprimir Post

Trabalhadores da educação de Curitiba solidarizam-se com trabalhadores da Educação do RJ que estão em luta

03/10/2013 – SISMMAC.


A direção do SISMMAC e o Conselho de Representantes do magistério se solidarizam com a luta dos professores municipais do Rio de Janeiro e repudiam a intervenção do Estado repressor que, no dia 28 de setembro, retirou à força os trabalhadores que ocupavam a Câmara dos Vereadores. 

Há mais de 50 dias em greve, os professores do Rio de Janeiro ocuparam a Câmara dos Vereadores no dia 26 de setembro após saberem da iminência da votação de um Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) que não atendia em nada as reivindicações da categoria. 

No dia 28, o Batalhão de Choque da Polícia Militar, a mando do prefeito Eduardo Paes e do governador Sérgio Cabral, utilizou da violência, com armas de choque, bombas de gás lacrimogêneo e gás de pimenta, para retirar os trabalhadores que estavam ocupando a Câmara.

A luta dos educadores do Rio de Janeiro continua e a greve também. Os professores lutam contra o desmonte da educação pública, intensificado pelo arrocho salarial, precarização das condições de trabalho e implementação de uma política meritocrática e produtivista, que impõe uma série de bônus e gratificações, ao invés de pagar salários dignos.

Compartilhe!

Link permanente para este artigo: http://www.intersindical.org.br/2013/10/02/trabalhadores-da-educacao-de-curitiba-solidarizam-se-com-trabalhadores-da-educacao-do-rj-que-estao-em-luta/